Tag: Segurança

Quais são os riscos e as vantagens de investir em CDB?

investir-em-cdb

Se você já pesquisou ou conhece um pouco sobre investimentos, com certeza, já ouviu falar no Certificado de Depósito Bancário. Conhecido como uma das opções preferidas de investimento em renda fixa no mercado, investir em CDB é algo que vem se popularizando como uma alternativa à velha caderneta de poupança, que cada vez mais rende menos e só faz o investidor perder dinheiro e tempo.

Porém, como todo investimento, o CDB também tem suas particularidades. Para conseguir investir com sucesso nesse tipo de aplicação, é necessário conhecer bem suas características, adequar a estratégia de investimento ao seu perfil e verificar se essa é realmente a melhor opção para você.

Saiba mais

Por que Investir no Tesouro Direto?

O Tesouro direto está na moda atualmente, e não é a toa. É uma das aplicações mais rentáveis da última década e conta com grandes vantagens, como possuir a maior segurança do Brasil e também a possibilidade de se investir atrelando seus investimentos a inflação – mais uma taxa.

Eu listei aqui os principais motivadores a aplicar seu dinheiro no Tesouro Direto:

Segurança nos Investimentos do Tesouro Direto

O tesouro direto possui provavelmente a maior segurança existente no Brasil. Isso acontece pois ele tem o chamado “risco soberano”, que é o risco do país quebrar. O seu único risco de não receber o capital aplicado, está ligado com um “default” (ou quebra) de nosso país.

Como você está emprestando dinheiro para o governo brasileiro, você só não vai receber seu investimento caso o país quebre. Porém, não podemos descartar o fato de o governo estar acima de todas as instituições, e poder emitir moeda de acordo com a sua necessidade. Além disso, ele pode utilizar de políticas de arrecadação maior através do aumento de impostos e outras políticas.

 

Acessibilidade

Quando você começou a investir, você teve um problema: “Onde eu consigo aplicar bem com pouco dinheiro?”. Hoje, talvez você tenha outro problema: ”Onde eu consigo aplicar bem esse dinheiro que sobra na minha conta ou o valor baixo que as vezes fica disponível?”.

Esse problema tem uma solução muito simples através do tesouro direto. Ao invés de precisar de um mínimo alto para se investir em um título muito rentável, você consegue aplicar muito bem com poucos reais. Geralmente, a partir de R$ 30,00 você já tem acesso a aplicações bem rentáveis – As mesmas aplicações que alguém com 1 milhão acessaria através da plataforma do tesouro direto.

 

Facilidade

Você é corrido e não tem tempo pra nada. O seu tempo livre deve ser destinado a lazer e família, concorda? Então você vai se encantar com a facilidade de se investir (e resgatar) no tesouro nacional. Você precisa de uma corretora para intermediar suas negociações com o tesouro direto. Para abrir um cadastro em corretora, você pode fazer isso de maneira 100% online, ou inclusive através de seu banco. Depois disso, a corretora vai te liberar o acesso ao tesouro direto, e a partir daí, você pode aplicar e resgatar online, sem precisar de deslocar.

Você consegue monitorar todos os rendimentos também  pela internet (ou celular!).

 

Flexibilidade

A plataforma do Tesouro te proporciona uma flexibilidade acima da média. Investir no tesouro não significa ser obrigado a ter um título atrelado a algum índice em específico e pronto. Você pode escolher entre uma gama de títulos muito grande! Você pode prefixar seu investimento através do Tesouro Prefixado se acreditar que a taxa de juros vai cair. Você pode investir em um Tesouro SELIC caso acredite que a taxa vai subir. Se acreditar ainda que a inflação vai subir, você pode comprar um título atrelado a inflação. Além de tudo isso, ainda pode escolher entre títulos que pagam juros semestrais ou tudo no vencimento! Para entender melhor sobre isso, você vai precisar ler esse artigo.

 

Liquidez

A liquidez, apenas para te relembrar, tem a ver com conseguir  transformar seus investimentos em dinheiro rápido.  No caso do tesouro, você pode resgatar o seu dinheiro diariamente ! É só solicitar o resgate que ele cai na sua conta.

PS: Se você investir em um título de longo prazo e resgatar antes, você resgatar seu título com ágio ou deságio (basicamente, um valor acima ou abaixo do que seria um valor esperado por você, já que os títulos de longo prazo não seguem um padrão em linha reta).

 

Rentabilidade

O Tesouro Direto, desde sua existência, sempre deu acesso a investimentos que renderam mais que a poupança durante todos os anos desde seu início em 2002. Para ter acesso as rentabilidades passadas, é só acessar o site direto aqui.

Rentabiludade Acumulada Tesouro Direto IPCA

Acima eu tirei um print do site para você poder visualizar rentabilidades acumuladas! Quando você ler isso daqui, provavelmente isso vai estar desatualizado, então é só clicar no link acima!

Imposto de renda

O imposto de renda é pago apenas no final (ou nos resgates). Caso você invista em um título de longo prazo, não vai se preocupar com o imposto de renda sendo pago semestralmente ou em períodos mais curtos. Dessa forma, seu dinheiro também vai render sobre o valor bruto, e não apenas sobre o liquido!

A previdência privada é mesmo segura?

Você guarda seu dinheiro com um sacrifício gigantesco pensando no futuro e ouve em um lugar qualquer alguém falando que a previdência privada é uma boa opção para investimento e garantia de uma aposentadoria mais tranquila. Na hora, você pensa: “Isso caiu feito uma luva para mim!”. Mas e com relação à segurança do investimento? E se o meu dinheiro está investido em um banco ou uma instituição qualquer e ela quebra? Eu fico a ver navios? Meu rico e suado dinheirinho investido na previdência privada vai por água abaixo? Hoje eu vou te mostrar se este investimento é, de fato, seguro para você!

Como deixar o investimento mais seguro

Primeiramente, deve-se avaliar a situação atual da instituição financeira em que você deixará os seus recursos investidos. Como no momento de começar a aproveitar a graninha guardada durante a vida toda você quer segurança, alguns passos devem ser seguidos.

Falando mais diretamente sobre os planos PGBL e VGBL, que são as modalidades mais difundidas e negociadas de previdência privada no Brasil, a segurança deles foi sensivelmente elevada com o passar do tempo.

Se voltarmos no tempo umas 4 décadas, por exemplo, não havia uma regulamentação muito forte e, no ano de 1977, foi promulgada a primeira lei específica para garantir os direitos ligados à previdência. E isso foi só o primeiro passo do avanço.

[contact-form-7 id=”6424″ title=”Newsletter”]

Avançando um pouco mais no tempo, já em 2001, outra lei garantiu a segurança para os recursos investidos na previdência privada, obrigando as instituições gestoras a tratarem o seu dinheiro investido na previdência de maneira diferente e mais restrita do que os recursos normais.

O que isso quer dizer? Quer dizer que isso é ótimo e que, na prática, elas podem trabalhar com os seus recursos, investindo no que está especificado no seu contrato de previdência privada, mas não podem especular com ele. No longo prazo, é um grande benefício e garantia de que seu dinheiro estará lá no momento em que você precisar.

Uma restrição com relação à segurança do dinheiro é a forma de saque dos recursos lá na frente, bem no futuro, quando você já estiver mais velhinho. Se você escolher a modalidade de renda mensal vitalícia, isso poderá afetar a segurança, mas nada que te faça ficar pobre da noite para o dia. Para evitar isso, o ideal é escolher resgates periódicos que complementem a sua renda, garantindo que suas necessidades diárias sejam supridas.

Previdência privada não é brincadeira, pense seriamente nisso

Já começou a pensar em entrar na previdência privada? Se já pensou, analise, no mínimo, 3 instituições financeiras distintas e verifique na internet o nível de satisfação dos clientes. Pergunte a amigos, converse com parentes, seu chefe, sua namorada, seu namorado, enfim. Não se esqueça de que você está buscando o melhor para o seu futuro e toda informação é essencial para a segurança do seu investimento.

Verifique as formas de se pagar menos impostos no futuro e isso também pode representar menos pagamento agora. Para tal, busque ajuda profissional ou invista em conhecimento financeiro. Ele poderá te ajudar não somente com a previdência privada, mas com outros investimentos durante sua vida.

Para isso, é claro, você pode contar com o Primo Rico não somente para previdência privada, mas para sua vida financeira. Estou aqui para te ajudar, basta você pedir. Ah, e aproveite para deixar um comentário com as suas dúvidas!