Por que a poupança não vale a pena?

A poupança já teve seu momento de ouro no passado e se consolidou na época da caderneta de poupança. Os tempos eram outros, o mercado financeiro brasileiro não estava...
Por que a poupança não vale a pena?

A poupança já teve seu momento de ouro no passado e se consolidou na época da caderneta de poupança. Os tempos eram outros, o mercado financeiro brasileiro não estava tão maduro e não havia alternativas de investimentos. Neste passado não muito distante, a poupança ficou conhecida como o investimento mais seguro, descomplicado e isento de IR.

Os tempos mudaram, o mercado financeiro no Brasil cresceu e também se consolidou.  A ideia de manter o dinheiro na poupança nada mais é do que cultural. A segurança da poupança nada mais é que a garantia do FGC, atualmente garantia de diversos outros produtos de renda fixa, porém sempre nos lembramos da poupança. É algo que está enraizado em nosso cotidiano.

 

Mas a pergunta é: por que a poupança não vale a pena?

Atualmente com todas as turbulências econômicas, a taxa de juros e a inflação estão muito altas no Brasil. A taxa básica de juros está em torno de 14,25% e a inflação 10,48% ao ano. Ao mesmo tempo em que os índices estão elevados, a poupança rende 0.65% ao mês equivalente a 8% a.a., rendimento bastante baixo comparado a outros títulos de renda fixa.

Em nosso cenário atual, com a inflação e os juros altos o rendimento da poupança além de não ser atrativo, faz você perder dinheiro. Isso mesmo, perder dinheiro!  Deixando o seu dinheiro na poupança ele perdera o poder de compra, pois o rendimento não esta cobrindo mais a inflação.

 

Poder de compra do seu dinheiro:

Hoje tenho R$ 50.000,00 com a inflação de 10,48%%, Se eu não aplicar o meu dinheiro em lugar nenhum, em um ano algo que poderia ser comprado com esses 50.000.00 não pode mais ser comprado, o seu dinheiro agora “vale” apenas R$ 45.257,00.

Agora com esses R$50.000,00 aplicados na poupança, com a poupança rendendo 8%, também há perda de poder de compra. Pois o rendimento da poupança não é real, não supera a inflação. Considerando a taxa atual de 0,65% em um mês a poupança renderia R$ 4.042,00 totalizando R$ 54.042,00. Porém para que o poder de compra fosse mantido era necessário que o rendimento estivesse acima de R$ 5.248,00 totalizando R$ 55.248,00.

Ou seja, perdeu-se parte do seu poder de compra. Algo que você comprava há um ano com seus 50.000,00 não pode ser mais comprado, pois a poupança não superou a inflação!

 

Mas a poupança é tão segura…

Como falamos acima, historicamente criou-se uma cultura de que a poupança seria muito segura. A segurança dela vem do FGC: Fundo Garantidor de crédito, o qual garante que investimentos até R$ 250.000,00 sejam ressarcidos em caso de quebra do banco.

O FGC que garante a poupança também garante outros produtos da renda fixa. Ou seja, existem alternativas com a MESMA segurança da poupança, porém com rendimentos maiores que além de atualizar o poder de compra do seu dinheiro também dão um ganho real.

 

Legal! Mas a poupança é tão mais descomplicada, a minha aplicação é automática. Não tenho trabalho.

É verdade, muitos bancos permitem que a aplicação e o resgate da poupança sejam automáticos, o que facilita bastante a vida das pessoas que não tem tempo. Mas você já parou pra pensar por que o banco faz isso?

Quando deixamos o dinheiro na poupança ou num produto de banco, o que ele faz com seu dinheiro é reemprestar. Isso quer dizer que o banco pega o dinheiro de quem poupa e empresta para quem precisa de crédito. Neste caso, paga 0,65% a.m para você como remuneração pelo tempo (juros) e empresta para alguém que está deficitário cobrando 10% a.m, o Spread (ou a diferença entre os dois) fica com o banco, ou seja, ele capta o dinheiro a uma taxa baixíssima e cobra uma taxa altíssima.

Entendeu porque o banco facilita o processo para você? O banco não dá ponto sem nó!

Outro detalhe que muitas vezes esquecemos é que a poupança só rende quando a aplicação faz aniversario, ou seja, se a aplicação não completar um mês não há rendimento nenhum.

Tudo bem, já entendi que a poupança não vale a pena. O que eu posso fazer pra salvar meu dinheiro dessa furada?

Nos próximos informativos apresentaremos além de alternativas à poupança, outras coisas que você PRECISA saber pra investir seu dinheiro de uma forma mais sábia e ganhando mais!

Vemo-nos em breve!

Deixe aqui o seu comentário

comentários

Categories
InvestimentosO CaminhoRenda Fixa

Relacionados