Pare de perder dinheiro! 4 erros de investimento que te prejudicam

Em um final de dia típico, você chega em casa e só quer um banho e uma cerveja gelada. Mas bate aquele desespero de pensar no trabalho estressante, nas contas e no...

Em um final de dia típico, você chega em casa e só quer um banho e uma cerveja gelada. Mas bate aquele desespero de pensar no trabalho estressante, nas contas e no dinheiro da faculdade do seu filho. Então você começa a pensar que se pudesse fazer um bom investimento poderia resolver esses problemas e ficaria mais tranquilo.

Você está certo, mesmo achando que o assunto é muito complexo e que seu gerente de banco não ajuda muito. Mas o Primão pode te dar uma mão com isso também. Vou mostrar, a seguir, que você pode entrar nessa e ainda evitar cometer erros de investimento que podem te prejudicar. Você também já deve ter lido sobre esse assunto  ̶  se não fez, dê uma olhada em nosso blog.

A seguir vou comentar 4 erros de investimento que tenho certeza que você vai evitar depois de ler esse post.

1. Investir em um negócio que você não entende

“Nunca invista em um negócio que você não entende” já dizia Warren Buffet o maior investidor de todos os tempos. Esse é um dos erros de investimento que acabará com seu projeto. Para começar a investir você vai precisar de toda informação possível. Mesmo sabendo que estudar o mercado pode dar preguiça ou ser difícil, você precisará entender do assunto. E materiais para isso não faltam em nosso blog.

Além disso, é muito importante conhecer as regras do seu investimento. É comum investidores iniciantes desconsiderarem taxas e custos das transações e o impacto que podem causar no lucro (ou prejuízo). Se você está iniciando nesse mundo novo, pode acessar esse e-book e saber mais sobre o assunto. E se pensa que investir em produtos de alto risco é mais lucrativo, precisa ter paciência e considerar possíveis perdas.

Para conhecer melhor o investimento, você pode fazer perguntas sobre a empresa, produtos e serviços.Tente descobrir mais informações sobre o funcionamento do negócio e questione se você se sente confortável para investir no negócio. Olhar indicadores também é importante, mas não se atenha apenas a uma métrica. E cuidado ao comparar indicadores: não mexa no portfólio de longo prazo por causa de indicadores de curto prazo. 

2. Se deixar levar pela emoção

Deixe para se emocionar quando seu filho se formar na faculdade! Até lá, use sua razão para lidar com seus investimentos. Sei que não é fácil lidar com perdas financeiras, ainda mais com a volatilidade e incerteza dos mercados. Porém, é a paciência que vai trazer os melhores resultados e ajudar a evitar outros erros de investimento. Então, pense que mesmo tendo um pouco de medo  ̶  sim, dá medo investir  ̶  você conseguirá recuperar eventuais perdas.

Outro sentimento inimigo dos bons investidores é a ansiedade. Se você tem grandes expectativas, inevitavelmente vai ficar mais ansioso para alcançá-las no curto prazo. Mas esse não é o caminho! Seja realista, mantenha a calma e busque sempre adquirir mais experiência. Assim você terá mais facilidade de identificar o que está ou não dando certo na sua carteira. E lembre-se que o tempo é seu melhor amigo.

3. Ser enganado por qualquer “guru”

Já percebeu quanta gente começa a palpitar na sua vida quando sabe que você está investindo em algo? Pois é, se deixar influenciar é mais um dos erros de investimentos que podem te prejudicar. Ninguém terá uma fórmula mágica. Mesmo aquele amigo que investe há anos ou o chefe de sua mulher que ganhou uma bolada. Por isso você precisa trabalhar duro e com dedicação.

Da mesma forma, tem um monte de gente na internet ensinando a investir. Saiba que o segredo do sucesso não está no material à disposição, mas no conhecimento que você vai adquirir. Fique atento: toda ajuda é válida, mas nem sempre é segura.

Outro ponto é que a confiança é a base de todo relacionamento. Então, você já se deu conta que o gerente de banco não será seu melhor amigo na hora de investir. Ele sempre terá interesses conflitantes com os seus, pois trabalha com metas que precisam ser cumpridas. Seja como for, você é quem precisa tomar as rédeas de seus investimentos para ter os melhores retornos.

4. Não ter um planejamento 

Você não planeja fracassar. Ninguém planeja isso, aliás. Se você quer que seu projeto tenha as melhores chances de sucesso, você precisa de planejamento. Acompanhe comigo alguns pontos que merecem atenção no momento de planejar seus investimentos:

Determine os objetivos para o seu projeto

A melhor maneira de planejar os investimentos é determinando seus objetivos. Se você deseja juntar dinheiro para ter uma aposentadoria tranquila o mais correto seria investir em uma previdência privada. Assim, se você sonha em se aposentar e ir morar na praia, por exemplo, a palavra-chave é planejamento;

Escolha bem no que vai investir

Aqui cabe um bom conselho: a diversificação. Você não precisa investir somente em ativos de risco. Pode também escolher investimentos mais conservadores que renderão mais a longo prazo com menor risco.

Você poderá investir em um um fundo imobiliário ou na previdência privada de que falei antes, por exemplo. Tudo vai depender dos seus objetivos para o investimento. Se você quer saber mais sobre esse assunto, se inscreva na nossa newsletter;

Planeje sua liquidez

Não dá para prever o que irá acontecer em um futuro próximo. Você está indo para o trabalho e, de repente, se vê envolvido em uma colisão no trânsito.

Por isso, além do dinheirinho suado que você juntou para investir, pode ser necessário dispor de uma reserva para imprevistos. Se o seu dinheiro estiver todo aplicado você irá perder ao sacar antes do tempo.

Se depois de tudo você continua em dúvida sobre como investir, a dica é buscar apoio de uma empresa confiável. E o mais importante é que você pode contar com o Primão para te ajudar com isso!

Deixe aqui o seu comentário

comentários

Categories
Investimentos

Relacionados