Por que e como diversificar seus investimentos no mercado imobiliário?

Por que você deveria diversificar seus investimentos? Ou melhor, por que o mercado imobiliário pode ser uma excelente modalidade diversificarmos nossos investimentos? *Esse artigo foi escrito por um grande...

Por que você deveria diversificar seus investimentos? Ou melhor, por que o mercado imobiliário pode ser uma excelente modalidade diversificarmos nossos investimentos?

*Esse artigo foi escrito por um grande convidado e amigo meu, especialista no mercado imobiliário, Rafael Jantsch*

Uma coisa é certa: sempre que vamos investir (independentemente onde) vamos estar propensos a riscos! É inevitável!

Além disso, existe uma forte relação entre o risco de um investimento e o potencial retorno do mesmo!

Quanto maior o risco, maior tende a ser o potencial de retorno!

Assim, quando começamos a fazer investimentos precisamos decidir se queremos investir de forma conservadora, ou de forma arrojada!

Precisamos decidir nosso perfil de investidor.

 

Os investidores conservadores

Os investidores conservadores irão preferir investir em investimentos de origem mais segura, nos quais as rentabilidades são “certas” e o risco é baixo. Ou seja, eles vão preferir investir na renda fixa!

 

Os investidores arrojados

Os investidores arrojados irão preferir investir em ativos mais arriscados, na qual há maior potencial de rentabilidade e os riscos são maiores. Ou seja, vão preferir investir na renda variável!

 

O uso dos juros compostos

Uma vez que você tenha decidido qual tipo de investidor você quer ser, agora é hora de entender como os juros compostos podem lhe auxiliar a alcançar a liberdade financeira.

Segundo Albert Einstein, “os juros compostos são a força mais poderosa do universo e a maior invenção da humanidade, pois permite uma confiável e sistemática acumulação de riqueza! ”.

Ele estava se referindo ao incrível poder que os juros compostos têm quando nós investimos e reinvestimentos nosso dinheiro!

No primeiro momento, o crescimento do nosso montante é devagar e parece que nunca vamos atingir nosso objetivo.

Mas, se formos persistentes e continuarmos investindo e reinvestindo nosso dinheiro de forma inteligente, no longo prazo, nosso dinheiro começa a ter crescimento exponencial!

E isso só vai acontecer quando você tiver persistência e paciência para isso. Em alguns anos podemos construir nossa liberdade financeira mesmo investindo de forma conservadora!

Mas, agora fica a pergunta:

“Como podemos fazer para aumentar a velocidade e alcançarmos nossa liberdade mais cedo? Sempre precisa esperar vários anos?”

Conseguimos alcançar a liberdade financeira mais cedo quando investimos em ativos mais arriscados, com maior potencial de rentabilidade.

Contudo, há um problema!

 

Risco de perder tudo e mais um pouco

Se investirmos todo nosso dinheiro em renda variável, estaremos muito propensos a perder dinheiro, pois o risco é maior!

E nesse caso, não vamos conseguir usar de maneira plena o poder dos juros compostos.

Além disso, se você usar estratégias mais avançadas de investimento com o uso de alavancagem, há também o risco de perder tudo e mais um pouco!

E agora qual a solução? 

A solução é usar uma estratégia de Alocação de Ativos!

 

Alocação de ativos

“Oi? Alocação de Ativos o que é isso?”

Que bom que perguntou… 😉

São estratégias que podemos usar para conseguir usar o poder dos juros compostos através da renda fixa ao mesmo tempo que usamos investimentos em renda variável para conseguir melhores rentabilidade e assim, poder encurtar o tempo para alcançar nossa liberdade financeira!

E, a melhor estratégia de alocação de ativos que conheço, aprendi com um dos maiores Coaches do mundo, Tony Robbins!

No curso “Get The Edge” ele ensina a estratégia dos 3 potes que vou lhe mostrar agora.

 

Estratégia dos 3 potes

Você já deve ter ouvido falar no ditado:

“Não coloque todos os ovos em uma cesta! ”.

Quem diz isso está, em outras palavras, querendo dizer:

“Se você colocar todos os ovos numa cesta, e essa cesta for extraviada, roubada, você ficará sem nada. É melhor colocar os ovos em 2, 3 ou 4 cestas; assim, se algo der errado com uma delas, as outras estão a salvo.”

Qualquer estratégia de alocação de ativos tem o intuito de fazer com que você diversifique seus investimentos para que você não perca todo o seu dinheiro se algo der errado.

Enfatizo isso porque perder tudo é muito doloroso!

Por isso, o Tony ensina que devemos dividir nosso dinheiro (não importa quão grande ou pequena é a quantidade) em 3 potes que são:

  • Pote #1) Seguro (investimento de natureza segura)
  • Pote #2) Arriscado (investimentos de natureza arrojada)
  • Pote #3) Diversão (veremos depois 😉

Vamos entender cada um deles!

 

Como funciona?

De todo seu dinheiro guardado (seu patrimônio), dividiremos ele entre os potes seguro e arrojado.

“Qual percentual?”

Depende do seu perfil!

Se você for um investidor de perfil arrojado, prefira ter mais dinheiro no “pote arrojado”. Se você for um investidor seguro, coloque mais no “pote seguro”.

Vamos assumir, como exemplo, que coloquemos 50% em cada “pote” e que hoje você tenha R$ 100 mil guardado. (Use essa metodologia mesmo que você comece do ZERO!)

Então, serão R$ 50 mil para cada pote. R$ 50 mil para o pote seguro e 50 mil para o pote arrojado.

“E o pote diversão, fica sem nada?”

Por enquanto SIM!

No pote seguro, iremos fazer investimentos de cunho seguro (renda fixa, CDB, imóveis alugados, FII).

No pote arrojado, iremos fazer investimentos por natureza mais arriscados (comprar e vender ações, comprar e vender imóveis, etc).

Dessa forma nós conseguimos matar 2 coelhos numa cajadada só.

Explico!

Ao deixar o seu dinheiro no pote seguro, você terá certeza que estará seguro e que vai crescer lentamente. Enquanto que no pote arrojado, poderemos buscar por rentabilidade maiores e assumir certo riscos.

Veja bem, mesmo que você perca parte ou todo seu dinheiro do pote arrojado, o pote seguro ainda está lá.

O pote arrojado serve para que aprendamos, façamos erros e acertos. E, se mantivermos o foco por tempo o bastante, uma hora ou outra iremos começar a ter lucros no pote arrojado. 

Desse lucro, devemos dividi-lo em 3.

  • 1/3 vai para o pote seguro
  • 1/3 fica no pote arrojado
  • 1/3 vai para o pote diversão.

E, conforme você for ficando mais inteligente em investir, e em ganhar dinheiro, os potes arrojados, seguro e diversão vão crescer.

 

E o pote da diversão?

O pote diversão foi criado para que possamos também usufruir de nosso dinheiro.

É a nossa recompensa por ter feito um ótimo trabalho.

É através do pote diversão que podemos comprar alguns “brinquedos” para nós. Que tal engordar tanto o pote da diversão que você possa comprar o carro dos seus sonhos ou o barco dos seus sonhos?!

E que tal poder comprar a ilha dos sonhos? Foi isso que Tony Robbins fez com parte da conta diversão dele!

A conta diversão só pode ser usada quando certamente todo o dinheiro nela paga o “brinquedo” e as despesas. Ter um carro novo, ou uma ilha nova, dá manutenção e só “come” seu dinheiro…

A conta diversão é a pura e mais simples forma de motivação.

Quando há um prêmio bem definido para a conquista de algum objetivo ficamos muito mais motivados a fazê-lo. Quando prometemos a nós mesmo que receberemos um carro se o investimento X der certo, faremos tudo para que o investimento dê certo.

 

3 objetivos alcançados!

Bom, dessa forma conseguimos alcançar 3 objetivos.

  1. Crescer parte do nosso dinheiro de maneira segura (a juros compostos);
  2. Crescer outra parte de nosso dinheiro de maneira arrojada, aprendendo a investir;
  3. Nos motivar para a fazer dinheiro e crescer o pote diversão para comprar nossos sonhados “brinquedos”.

Show!

Agora tenho uma pergunta para você:

“Como podemos aplicar essa estratégia de investimento no mercado imobiliário?”

Podemos aplicar a estratégia dos 3 potes no mercado imobiliário, pois é possível investir nesse mercado tanto de forma conservadora quanto de forma arrojada!

Como investir em imóveis de forma conservadora?

Uma das estratégias que podemos usar para investir em imóveis de forma conservadora e comprando um imóvel e colocando para alugar!

Essa estratégia de investimento não requer grandes dificuldades, contudo se você investir de forma convencional também não traz grandes rentabilidades!

Mas é assim mesmo, quanto mais fácil ou seguro for fazer um investimento, menor é sua rentabilidade!

 

Como investir em imóveis de forma arrojada?

Agora, se você quiser investir em imóveis para conseguir maiores lucros e maior rentabilidade em investimentos você vai precisar comprar imóveis de forma NãO ConvEnciOnAL!

Como assim, Rafael?

Isso mesmo!

Se investirmos de forma convencional, normalmente vamos conseguir uma rentabilidade baixa sobre nosso investimento.

Contudo, se investirmos de forma NãO ConVenCIonAL podemos conseguir rentabilidade bem maior.

Algumas forma de investir em imóveis de forma não convencional é encontrando boas barganhas em leilão de imóveis, através de imóveis velhos e malcuidados ou através de construção de imóveis.

A verdade é que há diversas formas de investir em imóveis de forma não convencional!

Ao investir de forma mais arrojada, buscando comprar imóveis de forma não convencional, temos maiores riscos e maiores potenciais de retorno.

Então, quando você for investir no mercado imobiliário de forma mais arrojada, lembre-se de usar a estratégia dos 3 potes para não colocar todos os seus ovos no mesmo pote!

Talvez isso signifique investir por algum tempo em outras modalidades de investimentos antes de seguir para o mercado imobiliário.

Agora, se você já tem condições e quer aprender mais sobre como investir em imóveis, tanto usando estratégias de investimentos mais seguro, quanto investindo de forma arroja, eu sugiro fortemente que você leia o E-book “Como lucrar investindo em imóveis”!

Nele eu ensino quais são as 3 grandes estratégias para investir em imóveis com menos risco e mais segurança mesmo em momento de crise!

Agora quero saber de você…

Já usou alguma estratégia de alocação de ativos? Já fez algum investimento no mercado imobiliário?

Então deixa aqui um comentário nos contando como foi.

Vamos adorar saber mais sobre suas experiências…

 

Forte abraço

Rafael Jantsch

Deixe aqui o seu comentário

comentários

Categories
Mercado Imobiliário

Relacionados