5 dicas para economizar ao contratar um plano de saúde

Economizar no plano de saúde nem sempre significa optar pela mensalidade mais barata
Dicas Plano de Saude

Ao contratar um plano de saúde, as pessoas pensam que estão sempre fazendo um bom negócio ao conseguir atendimento de qualidade e pagando um preço baixo. Porém, na hora de escolher o plano, nem sempre se leva em consideração todos os prós e contras e o valor pode acabar pesando no orçamento financeiro.

Por isso, quem pretende ter um bom plano de saúde – e não comprometer o bolso – deve ficar atento a alguns pontos. Veja os principais abaixo:

 

1 – Cote diferentes opções de planos

Contratar a primeira opção que aparecer na frente com certeza não é nada indicado. Por mais que possa dar um pouco de trabalho é sempre recomendado que se faça a cotação de plano de saúde em diferentes operadoras e, se tiver decidido por uma delas, verifique quais são os planos disponíveis.

Somente com as informações em mãos é possível fazer comparações e encontrar não somente o menor preço, como também o melhor custo-benefício.

 

2 – Escolha a cobertura adequada ao contratar um plano de saúde

Esse pode ser um ponto bastante importante na hora de escolher o plano porque se o beneficiário costuma viajar muito, de nada adianta ter um plano com cobertura apenas em um determinado grupo de municípios porque, se precisar ser atendido em outros estados, acabará pagando de forma particular pela consulta.

Nesse caso, compensa pagar uma mensalidade um pouco maior e ter mais segurança.

 

3 – Analise bem o Plano Coparticipativo x Sem Coparticipação

O plano coparticipativo é indicado para quem costuma usar pouco os serviços que o plano oferece porque pagará um valor por cada procedimento realizado. Já quem precisa ir ao médico ou realizar consultas com freqüência, o mais indicado é o plano sem coparticipação.

Esse último, apesar de ter uma mensalidade um pouco mais alta, acaba saindo mais barato do que se fosse pagar uma taxa extra pelos procedimentos realizados.

A melhor forma de verificar qual dos dois é mais indicado é verificando a frequência com a qual vai ao médico e fazendo as contas, comparando as duas opções.

 

4 – Escolha a acomodação em casos de internação

Se não precisa ficar internado com tanta frequência, escolher acomodação em enfermaria pode ser uma boa alternativa e, como é compartilhada, o seu custo será menor.

Claro que ela não oferece tanta privacidade, como os apartamentos, mas para quem não pretende ficar muito tempo no hospital ou não faz tanta questão de privacidade, garantirá todos os cuidados médicos necessários por um custo mais acessível.

 

5 – Prefira um plano empresarial ou coletivo

Contratar um plano individual ou familiar deve ser a última opção porque eles costumam ter um valor mais elevado. Sempre que sua empresa ou sindicato disponibilizar um plano de saúde, saiba que os custos costumam ser muito menores.

Isso é possível porque, pela quantidade de pessoas que aderem ao plano, as operadoras disponibilizam um desconto.

Se ainda tem dúvidas, compare a cotação de um plano de saúde empresarial e individual com as mesmas características e faça as contas.

Lembre-se de seguir sempre essas etapas ao contratar um plano de saúde se quiser economizar e não deixar o orçamento comprometido.

Deixe aqui o seu comentário

comentários

Categories
Finanças Pessoais

Relacionados