Quando começar uma aposentadoria privada?

Um dia um amigo me perguntou: “Primo, estou ficando velho, quando me aposentar quero ser rico, mas não sei por onde começar…” – tive que interromper meu chegado: “E...

Um dia um amigo me perguntou: “Primo, estou ficando velho, quando me aposentar quero ser rico, mas não sei por onde começar…” – tive que interromper meu chegado: “E porque você ainda não começou?!”. Este é só um dos exemplos que eu ouço muito por aí.

Mas a dica que vale um milhão de reais (literalmente, pense só) é: comece a sua aposentadoria privada já! Não venha reclamar depois que não avisei.

Quanto antes, melhor.  Acompanhe meu raciocínio: para ter uma renda mensal de R$3,5 mil lá pelos 65 anos de idade, começando aos 20 anos, o investimento mensal será de mais ou menos uns R$100,00 por mês. Aos 30, o valor que você desembolsará dobrará – por volta de R$250,00 -; aos 40, provavelmente terá de aplicar quase R$600,00.

É matemática básica, concorda? Continue a leitura para saber mais sobre aposentadoria privada!

Quanto investir?

Meu amigo, aquele que eu mencionei no início do texto, voltou a me procurar para saber mais sobre a previdência financeira. Falei dos benefícios, de que os aportes serão menores, que há mais tempo para acumular o dinheiro e até que o rendimento é melhor!

Inclusive, dei dicas de quanto poupar da renda mensal para a aposentadoria e de como investir o orçamento doméstico para tal. No fim do papo, ele veio me agradecer, porque sempre comete gafes financeiras.

Ele contou também de uns 6 gastos supérfluos que sempre tem e de como isso o prejudica no fim do mês. Depois dessa até paguei a conta do bar.

Defina seus objetivos

Mas vale para você também, caro leitor. Defina seus objetivos, projete-se no futuro e imagine onde gostaria de estar.

Trace um estilo de vida hipotético, levando em conta despesas com a saúde, mas por outro lado, (finalmente) os filhos já estarão bem longe de casa. Desse modo será possível definir o valor da reserva que você pode fazer.

Afinal, esta é uma das vantagens da aposentadoria privada, você pode mensurar quanto e como investir. Mas tem de levar em conta os recursos de outros fundos disponíveis para tal, em qual programa investir, como a previdência do empregador e o PIS/PASEP/CNIS. Fique por dentro das novidades da área, assinando nosso newsletter!

Tempo é dinheiro?

Caso você seja um jovem que acabou de ingressar em uma carreira, não se preocupe, você também pode começar a preparar sua previdência privada! Os valores dos aportes são calculados pelas seguradores de acordo com a quantia e o benefício especulado e a duração da contribuição.

Para isso, não é necessário ter uma renda mínima. A ideia é que o valor do depósito mensal não atrapalhe seu orçamento atual.

Lógico que não se deve viver com os olhos apenas no futuro, o agora também importa. Estamos falando de ter uma segurança a longo prazo.

Não desanime e não perca a disciplina

Faça um planejamento financeiro, que eventualmente você alcançará seu objetivo! Imagina só, com a expectativa de vida dos dias atuais, você pode ser um vovô centenário rico.

Que tal conhecer mais sobre o assunto e entender o que são os Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL) e Vida Gerador de Benefício Livre (VGBL)? Fique atento para mais posts!

Deixe aqui o seu comentário

comentários

Categories
Previdência Privada

Relacionados